• WhatsApp
Imprimir
PDF

Comissão de Saúde aprova Projetos de Leis

Cinco Projetos de Leis (PL) de números 68, 69, 70, 71 e 72, todos deste ano e de origem do executivo municipal, que dispõe sobre convênios para repasses de recursos para associações que prestam serviços sociais como Amigos das Crianças do Lar Abdon Batista, Fraterna Arca da Aliança, Beneficente Renascer, Amigos dos Autistas e Associação Diocesana da Promoção Social Casa Dom Gregório (Adiprós), foram aprovados na Comissão de Saúde, Assistência e Previdência Social, na tarde de hoje. Também foram designados relatores para análise do mérito para 12 Projetos de Lei que dispõe sobre convênios os vereadores Tânia Eberhardt (PL números 76, 101, 104 e 108), Roberto Bisoni (PL números 77, 88, 103, 105 e 107), Adilson Mariano (PL números 78, 102 e 106). O presidente da comissão, vereador Adilson Mariano, informou que no dia 11 de maio, às 15 horas, será realizada uma reunião conjunta com a Comissão de Urbanismo para debater sobre o aproveitamento de areia de fundição para confecção de lajotas e “camas” para tubulação de esgoto sanitário, “recebemos uma informação que essa areia contém um produto químico conhecido por fenol que é cancerígeno, daí a necessidade de nos certificamos para, se realmente existir fundamento, evitar problemas futuros para a população”, disse Mariano.

Reclamação por melhor atendimento

O aposentado Adilson Lopes da Silva, morador no bairro Itaum, reivindicou à comissão para estudar uma forma das Agentes Comunitárias de Saúde (ACS) receberem capacitação para medirem a pressão e diabetes, principalmente de idosos que possuem dificuldades de locomoção até os postos de saúde, que muitas vezes ficam longe da casa de quem precisa. E o quadro se agrava ainda mais em dias de chuvas, disse o aposentado que reclamou ainda dos pontos facultativos quando os postinhos ficam fechados até quatro dias. Para a vereadora Tânia Eberhardt é extremamente lamentável o que acontece no Brasil onde existem dois pesos e duas medidas diferentes em termos de tratamento dispensado pelo Governo para o Sul e para o Norte/Nordeste. “Para nós alegam que não pode porque as ACS não possuem capacitação técnica para fazer esses serviços, já para o Norte/Nordeste pode”, explicou. Mas não descartou um estudo na busca de uma alternativa. Sobre o ponto facultativo, Tânia concordou com o aposentado e disse que, por interferência do Sindicato dos Servidores as ACS são beneficiadas pelo fato dos postinhos não atenderem casos de urgências e emergências e por este motivo não são obrigados a trabalhar nos feriados.{jcomments on}

Fotos: Sabrina Seibel

Imprimir
PDF

Vereador apóia reativação dos telecentros comunitários

Idealizado com o apoio do vereador João Rinaldi, a Fundamas (Fundação Municipal Albano Schmidt), realizou na manhã de terça-feira (26) encontro com instituições de ensino superior de Joinville com o objetivo formar parcerias para reativar as atividades em dez Telecentros Comunitários da Fundamas.

Os laboratórios de informática estão instalados nos bairros Vila Nova, Rio Bonito, Itaum, Jardim Iririú, Aventureiro, Paranaguamirim, Jardim Paraíso, Anita Garibaldi, Boa Vista e Morro do Meio. Oferecem cursos de informática para a comunidade, além de funcionarem como Lan House. O trabalho é mantido através de parcerias.

Estiveram presentes na reunião representantes da Assistência Social, da Fundamas, da Univille, da Sociesc e do gabinete do vereador Rinaldi. Na oportunidade, o gerente dos Centros Técnicos, professor Natan de Oliveira, propôs um trabalho conjunto entre as instituições de ensino e a fundação com o intuito de buscar alunos voluntários para realizarem estágios nos Telecentros.

O vereador Rinaldi comenta que quando foi presidente da Associação de Moradores do Jardim Francine, no Aventureiro, ocorreu à implantação do Telecentro no local, na época o projeto era mantido pelo Comitê Fome Zero em parceria com outras instituições. Diversas pessoas do bairro participaram da inclusão social, “é um projeto muito importante, atende crianças e adultos trazendo conhecimento e também oportunidade para a comunidade se inserir no mercado de trabalho”, disse o vereador.

A parceria possibilitará a reativação dos cursos e outros atendimentos a comunidade desses bairros. O trabalho prestado pelo estagiário também servirá como certificação para a grade curricular. Ao fim do encontro, ficou acertado que em uma semana, o professor Natan voltará a conversar com a Sociesc e a Univille a espera que uma resposta positiva.{jcomments on}

Imprimir
PDF

Correspondência do Ministério da Saúde

A Câmara de Vereadores de Joinville recebeu correspondência do Ministério da Saúde informando sobre a liberação de recursos financeiros do Fundo Nacional de Saúde em cumprimento ao art. 1º da Lei nº 9.452, de 20/03/1997. Os beneficiários do Fundo Municipal de Saúde de Joinville são os programas do SAMU, o Centro de Especialidades Odontológicas (CEO) e a Rede de Serviços de Atenção Básica.

Essas informações encontram-se no sítio: www.fns.saude.gov.br

Prestação de Contas

A Companhia Águas de Joinville encaminhou ao legislativo municipal sua prestações de contas referente ao mês de março. A prestação de contas fica à disposição no Suporte Legislativo da CVJ.

Imprimir
PDF

Urbanismo define reuniões e audiência pública

Na reunião da Comissão de Urbanismo, Obras, Serviços Públicos e Meio Ambiente, ocorrida na tarde de hoje, a proposta do vereador Jucélio Girardi, o projeto de lei nº 02/2010 que dispõe sobre a obrigatoriedade de identificação dos torcedores que freqüentam a Arena Joinville, através de cadastramento, foi a mais polemica. A discussão foi amenizada a partir do momento em que a equipe técnica da casa sugeriu que seja realizada uma reunião com representantes do Joinville Esporte Clube (JEC) e da Fundação de Esportes (Felej) e designado que o cadastramento do torcedor deverá ser feito pelo clube. Aproveitando que os vereadores Manoel Francisco Bento, Tânia Eberhardt e Juarez Pereira, da Comissão de Legislação, Justiça e Redação estavam presentes foi colocado em discussão o projeto de lei nº 37/2010, de origem do executivo municipal, que dispõe sobre estudo prévio do impacto de vizinhança. O objetivo é adequar seis tópicos sugeridos na audiência pública, realizada no último dia 19, e que serão discutidos com técnicos da Fundação Instituto de Pesquisa e Planejamento para o Desenvolvimento Sustentável de Joinville (IPPUJ), em reunião na quarta-feira, dia 4, às 14h, na sala das comissões da câmara. O presidente da comissão, vereador Lauro Kalfels confirmou que a audiência pública para discutir o projeto de mudança do zoneamento para a construção do InovaPark, o parque tecnológico das universidades Univille, PUC, Udesc e UFSC será realizada na próxima terça-feira, dia 3, no plenarinho da casa, às 19h30. Também participaram da reunião os vereadores João Rinaldi, Alodir Cristo e Dalila Leal.{jcomments on}

Foto: Sabrina Seibel

Imprimir
PDF

CVJ intermedeia pleitos de associações de moradores

Por Felipe Faria.

Representantes de associações de moradores da região do bairro Aventureiro reuniram-se hoje com o presidente da Câmara, vereador Odir Nunes, para solicitar apoio do Poder Legislativo joinvilense na intermediação, junto à Prefeitura e ao Governo do Estado, dos pleitos de melhorias na infraestrutura.

Participaram da reunião Rita de Cássia Cardoso e João Batista Cardoso, da associação do Conjunto Habitacional Castelo Branco – Cohab Aventureiro; Jadson Severino, da associação do Jardim Francine; Tarcísio Arent, da associação do Aventureiro; e Luiz Alves Castanha, da associação do Parque Joinville.

Entre as reivindicações do grupo, definição de ciclovia na Avenida Santos Dumont, asfaltamento de diversas vias, instalação de academias da terceira idade, limpezas mais frequentes das galerias pluvias e dos bueiros, instalação de agência bancária e de um cartório no bairro Aventureiro, melhorias no policiamento, especialmente nas saídas de escolas, e criação de áreas de lazer e esportes.

Os pedidos das associações de moradores serão levados ao conhecimento da secretaria de Infraestrutura (Seinfra) e da Fundação de Esporte e Lazer (Felej). A presidência da Câmara convocará reunião com o secretário Ariel Pizzolatti e com o presidente Jorge Nascimento, da Seinfra e da Felej, respectivamente, na qual estes representantes das associações serão convidados a entregar pessoalmente suas reivindicações aos representantes do Poder Executivo, a quem compete a realização das obras.

Paralelamente, a Câmara fará uma moção, apelando ao Tribunal de Justiça para que instale uma unidade notarial na região do Aventureiro e cercanias, que congrega pelo menos 10% da população joinvilense. Segundo os representantes dos moradores, toda vez que é preciso utilizar serviços de cartórios, é preciso se deslocar até o Centro ou até o bairro Boa Vista.{jcomments on}

Foto: Sabrina Seilbel

 

Portal da Transparência

Você pode acompanhar toda a prestação de contas da Câmara de Vereadores de Joinville por meio dos menus ao lado. Para mais informações, com base na Lei de Acesso à Informação, utilize o e-mail.

transparencia@cvj.sc.gov.br