• Siga a CVJ nas redes sociais
  • A gente faz
  • Audiência Pública
Imprimir
PDF

Câmara instala software colaborativo "livre" e vai economizar R$ 57,5 mil por ano em licenças e atualizações

Uma nova e poderosa ferramenta entrou em funcionamento nos últimos dias e está à disposição dos funcionários da Câmara de Vereadores de Joinville. Conhecido como Zimbra, o pacote de colaboração online implantado no Poder Legislativo joinvilense é uma solução "open source" (livre) completa para escritórios e organizações de médio e grande portes.

De acordo com o diretor-geral, Flávio Eugênio Boldt, a utilização do sistema fará com que a Câmara pare de gastar em torno de R$ 50 mil em licenças de uso e mais R$ 7,5 mil em atualizações dos softwares "payware" (pagos) então utilizados.

"É mais uma vitória desta administração. Mais eficiência, com menos custo para o cidadão".

Composto de módulos de e-mail, agenda, catálogo de endereços global, mecanismo de compartilhamento de arquivos e ferramenta de socialização de dados, o Zimbra é absolutamente gratuito. Fabricado pela empresa VMWare, o sistema foi inteiramente instalado e configurado pela diretoria de Tecnologia da Informação da Câmara. Usando a experiência prévia de outros projetos para assegurar o sucesso da mudança, o processo de transição foi encerrado às 23 horas do último dia 6.

O analista de sistemas Odil Bernstorff Neto afirma que foram aproximadamente quatro meses de testes e ensaios. O sistema foi estressado e reagiu bem sob cargas muito superiores às da atual realidade da Câmara.

"Estamos seguros de que o produto se comportará de forma estável e veloz durante todo o seu ciclo de vida".

Antes da instalação, a equipe realizou treinamentos com os funcionários. O objetivo do novo sistema, segundo o consultor Jilsimaico Daru, é "dar ao usuário uma experiência de uso superior à dos webmails convencionais como Hotmail e Gmail, uma vez que o Zimbra é voltado para a colaboração de escritório".

No novo sistema, todos os usuários dispõem de 3 gigabytes de espaço para armazenamento de suas mensagens e arquivos. Antes, o espaço era de apenas 10 megabytes para cada um. Baseando-se nos cálculos do setor, essa capacidade será suficiente para armazenar 60 mil mensagens de tamanho médio.

"Esse tamanho é apenas um começo. Com o amadurecimento do sistema, poderemos aumentar a área de armazenamento ainda mais. Tudo depende do uso que os funcionários farão do Zimbra", complementa Odil.

Portal da Transparência

Você pode acompanhar toda a prestação de contas da Câmara de Vereadores de Joinville por meio dos menus ao lado. Para mais informações, com base na Lei de Acesso à Informação, utilize o e-mail.

transparencia@cvj.sc.gov.br