• Sessão Especial 25/09
  • A gente faz
  • Cauduro de Oliveira
  • Siga a CVJ nas redes sociais
  • Audiência Pública sobre a Cosip
Imprimir
PDF

Bertolini diz que não tem nada a ver com atraso nas obras do Rio Mathias

Por Marina Bosio.

Câmara de Vereadores de Joinville
Foto Mauro Arthur Schlieck

O secretário de Planejamento e Administração, Miguel Bertolini, esteve na reunião desta quarta-feira (21) da Comissão de Cidadania. Ele atendeu à convocação feita na reunião do dia 8 de agosto, em que os vereadores debateram o atraso nas obras de macrodrenagem do Rio Mathias.

Miguel Bertolini disse que o consórcio de empresas executoras da obra “vendeu” a ideia de que o projeto era ruim para justificar o atraso da execução. Mas Bertolini revidou, afirmando que a solução é que o consórcio termine o serviço.

O secretário assegurou que não há nada de errado com o projeto, que, segundo ele, foi feito na gestão anterior e aprovado por técnicos. “Tanto não há nada errado com o projeto que as empresas participaram da licitação. O projeto já previa, inclusive, que haveria interferências, que as empresas usam para justificar o atraso”, justificou.

Segundo Bertolini, a Prefeitura está usando todos os instrumentos legais para exigir do consórcio a conclusão dos trabalhos. “A Prefeitura notificou as empresas diversas vezes, mas acontece que a legislação permite vários recursos, o que atrasa a resolutividade das notificações”.

Sobre quatro pedidos de abertura de processos administrativos contra o consórcio, Bertolini afirmou que, de acordo com a legislação, a única responsabilidade da secretaria de Administração e Planejamento é a de nomear a comissão que julga os processos. Bertolini disse, ainda, que a pasta dele foi responsável apenas pela licitação.

Ele defendeu também que não há motivo para abertura de CPI, porque as obras já estão sob investigação do Ministério Público Federal e Tribunal de Contas de Santa Catarina.

Ao final da reunião, foi aprovado um requerimento para que a Secretaria de Administração e Planejamento disponibilize à Comissão de Cidadania toda a documentação dos quatro processos administrativos que foram abertos para tratar das obras do Rio Mathias, incluindo as notificações que a Prefeitura fez ao consórcio executor.

Ao reproduzir nossas informações, pedimos a gentileza de citar como fonte "Divisão de Jornalismo CVJ". Acompanhe nossas notícias aqui no site e em facebook.com/cvjtv.

Notícias Relacionadas


Se você quer fazer uma correção, sugestão ou crítica, envie um e-mail para Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. ou uma mensagem no WhatsApp (47) 98873-7517.

Portal da Transparência

Você pode acompanhar toda a prestação de contas da Câmara de Vereadores de Joinville por meio dos menus ao lado. Para mais informações, com base na Lei de Acesso à Informação, utilize o e-mail.

transparencia@cvj.sc.gov.br